Manifestação do Comitê Técnico na Audiência Pública do Trem Regional da Serra Gaúcha PDF Imprimir E-mail
 Texto resumo apresentado pela arquiteta urbanista Rosana Guaresi, membro do Comitê Técnico da AUNe, de Bento Gonçalves

 

- O Comitê Técnico da Aune é composto por equipe multidisciplinar de técnicos municipais de planejamento local e regional. O Comitê participa desta audiência pública manifestando apoio ao projeto de implantação do Trem Regional na Serra Gaúcha.

- Na década de 70 o país assumiu opção de transporte rodoviária, abandonando patrimônio ferroviário, esquecendo papel histórico da ferrovia no desenvolvimento regional e crescimento das cidades.

- A Aune possui ligações viárias únicas entre os municípios, grande dinâmica de trocas e tem a necessidade de soluções de mobilidade regional.

- Ramal ferroviário cruza locais com:

população densa

elevado nível econômico e cultural

atividade produtiva diversificada

um dos mais desenvolvidos parques da indústria metalmecânica do país

trechos urbanos com cenário excelente para novo modo de transporte regional e local

- É de suma importância estimular na região o transporte de passageiros sobre trilhos, como alternativa para atender grande número de usuários sem onerar as vias públicas existentes.

 

- Este projeto será estruturador de uma rede integrada de transportes e poderá reduzir o número de viagens por carro particular no trecho.

- O projeto completo: moradia, saneamento, meio ambiente, trabalho e renda, desenvolvimento tecnológico, turismo, reorganização dos espaços e de mobilidade local e regional.

 

- Planejamento regional: uma grande faixa planejada ao longo da ferrovia. Os interesses comuns, como a atividade turística que é característica forte na economia da região, podem ser reforçados mutuamente.

 

- Oportunidade de implantar políticas públicas regionais discutidas em conjunto, trabalhando aspectos relacionados à mobilidade sustentável e atrelando o planejamento urbano com o de transportes.

 

- É importante que a sequência do projeto agregue estudos e discussões sobre parâmetros de sustentabilidade.

 

- Pode-se trabalhar políticas globais com todas as variáveis envolvidas na mobilidade, como acessibilidade, uso do solo, integração a outros modos e meio não motorizados. Assim o projeto virá a representar um avanço para a região da Aglomeração Urbana do Nordeste, tanto na questão da mobilidade, no planejamento regional, quanto na sustentabilidade.

 

Entendemos que o projeto é de vital importância para a região e uma oportunidade de resgatar o papel histórico do transporte ferroviário como veículo de desenvolvimento e integração e como diretriz de planejamento regional e uma ferramenta de transformação do território.

 

O comitê técnico da Aglomeração Urbana do Nordeste do RS coloca-se à disposição na continuidade da parceria para elaboração do projeto do Trem Regional da Serra Gaúcha.

 

 
 

Login de Acesso



 

Usuários Online

Nós temos 45 visitantes online